Notícias

Voltar

Saldo comercial acumulado do País vai a US$ 62 bi

04.12.2017

No mês, as exportações somaram US$ 16,688 bilhões, 2,9% a mais que em novembro de 2016; importações atingiram US$ 13,142 bilhões, avançando 14,7%, aponta o MDIC.

Sinais da retomada da economia brasileira podem ser verificados na balança comercial do País. Dados divulgados nesta sexta-feira, 1, pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) mostram que as importações de produtos pelo Brasil subiram em novembro pelo 12.º mês consecutivo.

No mês passado, as importações somaram US$ 13,14 bilhões, o que representa alta de 14,7% em relação a novembro de 2016. No acumulado de 2017, a cifra já chega a US$ 138,14 bilhões. “Isso indica a retomada da economia”, afirmou o secretário de Comércio Exterior do MDIC, Abrão Neto. “A atividade econômica tem manifestação clara no comportamento das importações.”

Com a recuperação recente da renda, a importação de produtos de consumo tem sido um dos destaques, com alta de 20,0% apenas em novembro. Mas alguns setores produtivos também já se movimentam para aproveitar, em 2018, um crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) acima dos 2,5%.

No entanto, para o economista-chefe da MB Associados, Sergio Vale, isso não indica necessariamente aumento da produção: “As importações de bens de capital já vinham em recuperação desde o fim do ano passado, mas as fábricas não estão expandindo, é apenas reposição e troca de maquinário.”

Estes números fizeram o País fechar novembro com um superávit comercial de US$ 3,54 bilhões. A cifra foi inferior aos US$ 4,75 de novembro de 2016, mas principalmente porque, no ano passado, ocorreu um evento extraordinário: a exportação de duas plataformas de petróleo no valor de US$ 1,9 bilhão.

De janeiro a novembro deste ano, o superávit comercial já soma US$ 62,00 bilhões, sendo que este é o melhor resultado para os primeiros 11 meses do ano na série histórica do ministério, iniciada em 1989.